O livro da professora Ana e do professor Edgard Desvendando os segredos do jornalismo e do Português bem claro Por Cristovão Lemos 30 junho 2015 em 8:11 e Nenhum Comentário

Por Sidney Santos joaquim
Em parceria com a professora Ana Tereza Pinto de Oliveira o professor, jornalista, escritor e advogado Edgard de Oliveira Barros lançou o livro “Quem? Quando? Como? Onde? O quê? Por quê? – Maneira prática de se escrever um texto jornalístico em Português bem claro”, pela Editora Plêiade.
O livro é ideal para estudantes de jornalismo e jornalistas que desejam o enriquecer seu vocabulário, com linguagem bem clara. É dividido em duas partes: na primeira ensina como se escrever textos jornalísticos e na segunda oferece material de apoio para o leitor escrever melhor e revisar corretamente seus textos. “Quem ler e conhecer profundamente esse livro da professora Ana Tereza poderá participar de tudo quando é concurso público que certamente será aprovado”, costuma dizer o professor Edgard. “Realmente é um trabalho de fôlego e completo”, indica.
O professor Edgard Barros, para quem não sabe, foi autor da manchete “Pelé, jogai por nós”, publicada pelo jornal Diário da Noite, da cadeia de jornais dos Diários Associados, quando da Copa do Mundo de 1966. Essa foi considerada uma das maiores manchetes esportivas do jornalismo brasileiro. “Eu e a professora Ana Tereza entendiamos que já era hora de lançarmos esse trabalho por passamos muitos anos dando aulas em conjunto e trabalhando essas disciplinas com vários alunos. Essas aulas rendiam muito pois aliavam a parte prática do jornalismo com os conhecimentos profundos de Português que a professora Ana Tereza passava”, conta Edgard.
Jornalista de muitos anos de prática, Edgard Barros não se cansa de lembrar a máxima do jornalismo: “as más noticias é que são as boas noticias,pois elas instigam, provocam, criam polêmicas, mudam o rumo das coisas,às vezes mudam o mundo”, diz.Os professores  Edgard e Ana Tereza lecionam há muitos anos nas FIAAM. Graças a todo o seu trabalho Edgard pode ser considerado uma lenda como jornalista, tendo trabalhado ao lado de grandes nomes do jornalismo brasileiro. Começou sua carreira ainda jovem, tendo tido oportunidade até de trabalhar ao lado de Assis Chateaubriand, que implantou o império de comunicação denominado Diários Associados, precursor da TV no Brasil. Barros especializou-se em criar títulos e chegou a comandar a edição centenária do Diário Popular, privilegio de poucos. Trabalhou como publicitário e também criou e dirigiu o jornal Imprensa Livre na cidade de Atibaia onde reside atualmente.
Para os admiradores de seu trabalho, Barros tem um site onde relata histórias do cotidiano transformando suas ideias em doces cronicas.
Acesse www.edgardbarros.net.br O que ele acha da vida? “Quem? Como? Quando? Onde? O que? Por quê? — Não sei continuo aprendendo”, finaliza.

Deixe um comentário